terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Troféu Expressão 2011 para o Projeto Fome

Marilena Lavorato e Paulo Afonso Prado do Instituto Mais, ao lado de Rosana Perrotti, fundadora da Plataforma Sinergia e homenageada da noite.

A Plataforma Sinergia, parceira do Instituto Mais, foi homenageada na categoria Meio Ambiente pelas iniciativas de 2011, em especial do Projeto Fome que tem por objetivo utilizar novas tecnologias para o reaproveitamento de alimentos. O troféu expressão seleciona iniciativas e personalidades que mais se destacaram ao longo do ano para o justo reconhecimento e homenagem.
Na foto ao lado, Rossana Perroti ao lado do Prefeito de Guarulhos, Sebastião Almeida.

O Projeto Fome da Plataforma Sinergia conta com comitês técnicos de especialistas que atuam em conjunto e de forma sinérgica para a viabilização da iniciativa junto as lideranças publicas e privadas.
O Instituto Mais está representado neste projeto através da Presidente do Comitê de Sustentabilidade, Marilena Lavorato, especialista em gestão ambiental, responsabilidade social e sociologia. 

Foi uma noite de muito glamour e com muita alegria e emoção. O reconhecimento e a sensação do dever cumprido marcaram a entrega do Troféu Expressão 2011, em sua 9ª edição, oferecido às personalidades, empresas e entidades que mais se destacaram durante o ano de 2011, nos vários segmentos da sociedade, sejam eles econômicos, sociais, ambientais ou culturais.

Na foto abaixo, Rossana Perroti (Plataforma Sinergia) e Marilena Lavorato (Instituto Mais) comemoram a conquista.

O Salão Nobre do Hotel Slaviero, na Rua Rafael Balzani, 32, no centro de Guarulhos, foi palco no dia 15 de dezembro desta bonita festa.  Estiveram presentes para prestigiar a solenidade e os homenageados, o Deputado Eli Correia Junior e o Prefeito de Guarulhos, Sebastião de Almeida.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

PNRS - Politica Nacional de Resíduos Solidos

Hoje, na sede da ANR - Associação Nacional de Restaurantes, Marilena Lavorato, Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto MAIS participou do Workshop PNRS para restaurantes.
O workshop contou com abordagens distintas: Legislação sob o ponto de vista jurídico que foi apresentado pelo Dr. W Uemura, do escritório Dias e Pamplona Advogados; Ótica Social, com a participação de Eduardo Ferreira de Paula (Dudu), Vice-presidente do Movimento Nacional de Catadores de Materiais Recicláveis;  Um Case Prático apresentado por Daniela Masson Lerario, especialista em reciclagem do Grupo Pão de Açúcar, e Estratégia Verde apresentado por Marilena Lavorato do Instituto Mais.

Marilena falou sobre Sustentabilidade, os 02 lados da mesma moeda para os associados presentes. Na foto ao lado, Marilena Lavorato do I+, Dudu do Movimento Nacional de Catadores e Alberto A. Lyra Jr, Diretor Executivo da ANR - Associação Nacional de Restaurantes.

A Politica Nacional de Resíduos Sólidos depois de tramitar mais de 20 anos foi finalmente aprovada e prevê o  correto gerenciamento de resíduos e o fim dos lixóes até 2014.

A Associação Nacional de Restaurantes é uma entidade que representcea empresários do setor de food service brasileiro – desde as maiores redes de franquia, até restaurantes independentes, cafés e quiosques – em suas relações com os poderes públicos, entidades de trabalhadores e junto à sociedade em geral. O Setor tem hoje um faturamento bruto anual de R$ 182 bilhões e que cresce a uma taxa três vezes superior ao PIB nacional. A ANR representa mais de 4.200 pontos de venda em todo o país, dos quais cerca de 800 em São Paulo, que empregam mais de 85 mil funcionários, 96% deles em contratações diretas.

O  Instituto MAIS colabora com a construção de massa critica em sustentabilidade participando de ações setoriais, publicas e privadas dos mais diversos setores e segmentos da sociedade, sempre levando informação de qualidade e conteúdos avançados. Para saber mais visite o site www.institutomais.org

domingo, 18 de dezembro de 2011

Você sabe o que é Cultura de Sustentabilidade?

Instituto MAIS foi objeto de pesquisa de um grupo de estudantes da Faculdade Anhembi Morumbi, que teve como finalidade a criação de uma peça de comunicação da ONG.  O Grupo criou uma agencia de comunicação (Agencia Kinnari) e fez todo planejamento estratégico identificando a importância da construção de uma Cultura de Sustentabilidade junto a sociedade e organizações.  

Com base neste fundamento, propôs a criação de um vídeo institucional onde a junção do saber e do querer fazer impulsionará as ações já desenvolvidas e ampliará horizontes tornando mais próximo o alcance do objetivo de propagar a importância do compartilhamento das boas práticas sustentáveis, missão principal do Instituto MAIS


O Video foi realizado por estudantes de Relações Públicas da Faculdade Anhembi Morumbi mostra o desconhecimento das pessoas sobre sustentabilidade, ao mesmo tempo em que mostra a opinião destas pessoas sobre a Cultura de Sustentabilidade em nosso país.

O Instituto Mais adota este vídeo para comunicar-se com seu publico alvo, pessoas fisicas e juridicas, mostrando a importância de compartilhar conhecimento e construir massa critica em sustentabilidade, para que a mesma, faça a transformação social que precisamos e construa a tão desejada e necessária cultura de sustentabilidade junto as organizações e sociedade.

Conheça as atividades do Instituto MAIS para 2012 clicando na imagem abaixo:

Mais informações no site www.institutomais.org 

sábado, 12 de novembro de 2011

Programa Benchmarking Brasil é apresentado em conferencia internacional de Ética nos Negócios

Nos dias 26, 27 e 28 de outubro de 2011, Maria Cecilia Coutinho de Arruda, professora de mercadologia e ética da FGV SP participou da 18th Annual International Conference Promoting Business Ethics, na St. Thomas University, em Nova York (USA) como uma das conferencistas falando sobre ética e sustentabilidade.

Maria Cecilia, foi uma das integrantes da comissão técnica do Programa Benchmarking em 2009, e desde então tem adotado o Banco de Boas Práticas de Sustentabilidade do programa para compartilhar este rico acervo em suas atividades acadêmicas e internacionais.
Na 18th Annual International Conference promoting Business Ethics, em St. Thomas University, em Nova York, Estados Unidos, Maria Cecilia fez uma apresentação sobre os profissionais da sustentabilidade.

A apresentação, fruto de um trabalho elaborado em co-autoria com Marilena Lavorato, recebeu o título de Building excellence: Sustainability Officeres as axes of the 198 cases of best social and environmental practices in Brazilian Organization.

"Para a MAIS PROJETOS, idealizadora e realizadora do Programa Benchmarking Brasil foi uma grande honra o interesse e espaço concedidos, pois compartilhamos com representantes de vários países a excelencia das praticas de sustentabilidade das organizações brasileiras, mérito dos profissionais de sustentabilidade que temos no país ", diz Marilena Lavorato, responsável pelo Programa.

O Trabalho teve como objeto de pesquisa e consulta o Banco de Práticas do Programa Benchmarking que há nove edições seleciona as melhores práticas de sustentabilidade do Brasil, por meio do Ranking Benchmarking. Já passaram pelo crivo do Programa, 133 empresas brasileiras que contribuiram com 226 práticas catalogodas em 10 diferentes temáticas gerenciais. É considerado o maior banco de práticas de sustentabilidade de livre acesso do país.

"O Banco Digital de Práticas de Sustentabilidade do Programa Benchmarking é um rico acervo a disposição da sociedade. Contribui com a construção de uma cultura de sustentabilidade no país", informa Maria Cecilia na foto acima.

Além da pesquisa minuciosa dos cases ali apresentados, as autoras fizeram uma rápida enquete dom os gestores Benchmarking, além de utilizar outras fontes de autores especializados em ética e sustentabilidade empresarial para elaboração do trabalho apresentado.  

Houve muito interesse dos especialistas, empresários e acadêmicos presentes na conferencia, tornando o Benchmarking Brasil, um programa com visibilidade internacional.

Também neste intercâmbio, iniciou se negociações e entendimentos para participação de representantes de outros países na edição 2012, quando o Programa Benchmarking completará 10 anos, uma década de fomento as boas práticas de sustentabilidade.
As organizações podem inscrever seus cases de sustentabilidade pela internet, de março a maio de cada ano.Uma comissão técnica composta por especialistas de vários países, avaliam os cases sem ter acesso ao nome das organizações. Até o momento, 111 especialistas de 14 diferentes países participaram de forma voluntária do Programa Benchmarking Brasil.

Os cases que obtiverem indice técnico, pontuação acima de 7 são considerados  boas práticas e passam a integrar o acervo Banco Digital, o maior de livre acesso no país.
Também são rankeados anualmente. 

Mais informações no site: www.benchmarkingbrasil.com.br

domingo, 30 de outubro de 2011

Instituto MAIS e a Cultura da Sustentabilidade na prática

Durante o mês de Outubro, o Instituto MAIS participou de varias atividades, levando sua experiência e compartilhando conhecimento em eventos e iniciativas socioambientais de capacitação, mobilização e inovação.

Coerente com a missão principal do Instituto MAIS que é a construção de uma cultura de sustentabilidade na sociedade e organizações por meio do compartilhamento das boas práticas de sustentabilidade, a Presidente do Comitê de Sustentabilidade Marilena Lino de Almeida Lavorato, fez parte da grade técnica de 03 eventos externos realizados em Belo Horizonte, São Bernardo de Campo e Guarulhos, além de coordenar a reunião mensal dos voluntários especializados do Instituto MAIS. 

O primeiro evento  realizou se em Belo Horizonte (03 a 05 de outubro). Foi o V Congresso Brasileiro de Comunicação Social,  onde Marilena falou sobre as oportunidades e desafios da sustentabilidade para as empresas e estados.

Marilena, que é especialista em Gestão Ambiental, Negócios, Marketing e Sociologia, tem uma visão privilegiada da sustentabilidade. A diversidade de sua formação acadêmica aliada a trajetória profissional (mais de uma década atuando especificamente com práticas de sustentabilidade) permitem identificar tendências futuras frente a esta importante demanda global por novos formatos de produção e consumo. 

Em 18 e 19 de Outubro, em São Bernardo do Campo, Marilena Lavorato participou da banca de Avaliação das Monografias do 6º SETEPAM - Semana de Tecnologia, Pesquisa e Ações Ambientais da Faculdade Senai de Tecnologia Ambiental. Foram 06 trabalhos pré-selecionados e defendidos de acordo com critérios previamente estabelecidos pela Faculdade SENAI de Tecnologia Ambiental. No dia 19 de outubro, Marilena palestrou sobre as perspectivas profissionais dos tecnólogos ambientais, formandos da instituição. 

No dia 21 de outubro, em Guarulhos, Marilena moderou um dos painéis do Fórum Fome a convite da Plataforma Sinergia. O painel moderado por Marilena contou com 03 mesas diretoras e participação de Autoridades, Reitores, Políticos e Especialistas. Entre os presentes, estavam o Vereador de São Paulo, Gilberto Natalini e o Dr. Antonio Vico Mañas, Vice Reitor da PUC de São Paulo.

Em 29 de outubro, Marilena recebeu um dos grupos de voluntários especializados do Instituto MAIS para reunião mensal. Ao lado, foto com o grupo. São Estudantes e Recém Formados das áreas de Gestão Ambiental, Relações Públicas, Marketing e Cinema para orientação e direção dos trabalhos em desenvolvimento prestados ao Instituto Mais.
Enfim, uma extensa agenda cumprida para contribuir com a formação de massa critica e desenvolver atividades que promovam o compartilhamento do conhecimento socioambiental aplicado de forma a elevar o nível do debate e construir uma cultura Pró Sustentabilidade capaz de realizar transformações sociais para um futuro mais verde, mais justo e menos insustentável.

Para saber mais sobre nosso trabalho e atividades desenvolvidas, visite o site: www.institutomais.org 

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Congresso Brasileiro de Comunicação Ambiental em Belo Horizonte

Nos dias 04 e 05 de Outubro, foi realizado em Belo Horizonte, no SESC Venda Nova, o IV Congresso Brasileiro de Comunicação Ambiental reunindo jornalistas, publicitários, Relações Públicas e profissionais de Marketing para debater o papel da comunicação para a Sustentabilidade.

Marilena Lino de Almeida Lavorato (foto ao lado), Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto Mais foi uma das palestrantes do congresso que falou sobre os desafios e oportunidades da Sustentabilidade para as iniciativas públicas e privadas.

Nestes 02 dias de congresso, quase mil congressistas tiveram contato com diversos especialistas expondo conteúdos relevantes da sustentabilidade nas empresas. Além do Instituto Mais, o CEBDS também se fez presente apresentando o case Guia de Comunicação para a Sustentabilidade.

Sobre o Congresso:

O CONGRESSO BRASILEIRO DE COMUNICAÇÃO AMBIENTAL é um evento tradicional e reconhecido pelos profissionais de Comunicação, Engenharia, Direito, Meio Ambiente, Sustentabilidade, e que atuam em obras de infraestrutura, nas áreas de Petróleo, Mineração, Química, Petroquímica, Energia, Siderurgia, entre outras.

Em todas as suas edições o CONGRESSO BRASILEIRO DE COMUNICAÇÃO AMBIENTAL apresenta as últimas novidades relacionadas a ferramentas de comunicação, estratégias e atuações de profissionais, além de cases de sucesso que estão promovendo a eficiência nos relacionamentos e na comunicação entre as empresas que geram um grande impacto ambiental e os seus stakeholders.


terça-feira, 4 de outubro de 2011

Greenforma, uma iniciativa online para construção, reforma e eficiência hídrica e energética

A construção civil é o setor com maior impacto no meio ambiente do planeta, mas o cenário pode ganhar novos contornos a partir do dia 5 de outubro, ao menos no Brasil. É nesta data que entra no ar o Greenforma, a mais nova loja virtual do Greenvana, que oferece materiais para construir e reformar, com diferencial sustentável, e entrega na maior parte do território nacional.

Milhares de produtos de diferentes tipos, fornecedores de pequeno e grande porte e o maior mix com foco em sustentabilidade são os diferenciais do portal, assim como os sistemas sob medida: placas fotovoltaicas, aquecimento solar para água, telhado verde e coleta e reaproveitamento de água da chuva. Tudo isso fornecido por mais de 100 empresas, entre tradicionais, como Osram, Roca, Deca, Eliane e Amanco, e de soluções sustentáveis, que já são

parceiras do Greenforma. A loja também oferece facilidades de financiamento através do seu parceiro, o Banco Santander, com opções para empresas e pessoas físicas.

O Greenforma se diferencia também por oferecer um serviço especializado de atendimento ao consumidor, onde o cliente poderá esclarecer dúvidas técnicas com arquitetos e engenheiros. Além disso, o portal traz outra novidade: a Rede de Engenharia, Arquitetura e Interiores Sustentáveis. A REAIS reúne engenheiros, arquitetos e designers de interiores de todo o Brasil,

que terão espaço exclusivo para dispor seus portfólios e receber novidades sobre o mercado. O consumidor também será beneficiado, já que pode encontrar especialistas para seus projetos e ter as melhores soluções sustentáveis disponíveis no país – a maioria comercializada pelo Greenforma.


Sobre o Greenvana

O Greenvana nasceu em novembro de 2010, e já ocupa o posto de principal companhia brasileira de comportamento e consumo sustentável do país, tornando-se referência em e-commerce de produtos verdes e na geração de conteúdo especializado.

O portal conta com cinco abas: Greenstore, uma loja online eco-friendly; Greenstyle, uma revista virtual com matérias, vídeos e colunas de especialistas no assunto; Greengle, um site de buscas sem fins lucrativos no qual, a cada 6 mil visitas, uma árvore é plantada; Greenpedia, enciclopédia online que reúne informações sobre o universo sustentável; e GreenBest, uma forma de incentivo e de valorização de empresas, produtos e projetos verdes, responsável por eleger os melhores em 16 categorias por meio de votação popular e de um júri especializado.

Serviço
Lançamento do Site Greenvana Greenforma
Local: Torre do Santander – Avenida Juscelino Kubitscheck, 2041 - Auditório
Dia: 05/10/2011
Hora: 9h30 às 12h

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

FIBoPS Barueri mostrou a força da Economia Verde da cidade

Durante 03 dias Barueri sediou Feira para o Intercâmbio das Boas Práticas Socioambientais, uma realização do Instituto Mais com o apoio da Prefeitura de Barueri.

De 21 a 23 de setembro no Centro de Eventos da Cidade foi realizada a FIBoPS Barueri, com um forum de boas práticas e uma mostra de produtos e serviços verdes. 

Na foto ao lado, o Secretário de Meio Ambiente de Barueri, Marco Antonio de Oliveira (Bidu), e Marilena Lino de Almeida Lavorato, Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto MAIS, realizadores da FIBoPS Barueri, na abertura oficial do evento.  


O evento foi aberto ao publico, e recebeu uma média de 2 mil pessoas que participaram do Forum de Boas Práticas, das Palestras Gerenciais e conhecerem as práticas e produtos verdes dos expositores locais.  Foram mais de 20 palestrantes que abordaram temas relevantes e atuais da sustentabilidade em apresentações simultâneas em 02 auditórios.

Na foto acima, da esquerda para direita, Marco Antonio de Oliveira - Bidu (Secretario de Meio Ambiente de Barueri), Wilton Garcia Filho (PSA Peugeot Citroen), Marilena Lavorato Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto Mais), Luiz Carlos de Souza (Secretário da Industria e Comércio de Barueri), e o Vereador de Osasco, posam em frente ao stand da Peugeot Citroen na Primeira Feira de Sustentabilidade da cidade.

As lideranças empresariais mostraram suas boas práticas e suas inovações verdes na primeira feira de sustentabilidade de Barueri.

Entre elas, PSA Peugeot Citroen, Proactiva Serviços Ambientais, Rotary, CCR Via Oeste, Secretaria de Recursos Naturais e Meio Ambiente de Barueri, e o Programa Benchmarking Brasil da MAIS Projetos.

Também presentes lideranças acadêmicas com a participaçao de seu corpo docente palestrando sobre temas diversos. Enviaram palestrantes para a FIBoPS Barueri: PUC, Machenzie, Uninove, e FGV, além de ONGs, Empresas e órgãos governamentais.

Na foto ao lado, Marilena Lavorato do Instituto MAIS faz a Palestra Magna de Abertura: Sustentabilidade, oportunidades e desafios para as lideranças locais presentes.

Em 03 dias de evento, alunos de escolas técnicas e universidades locais, além de profissionais atuantes em sustentabilidade nas empresas, governo e ONGs puderam ter acesso gratuito a informação qualificada dos palestrantes, em sua maioria, especialistas, pesquisadores e autoridade.


Os principais eixos temáticos da grade técnica da FIBoPS Barueri foram: Cidades Sustentáveis e Tendências Futuras; Inovações e Competitividade; Responsabilidade Socioambiental e Economia Verde; Resíduos e Logística.

Nas fotos ao lado e abaixo, uma panorâmica do público visitando a FIBoPS Barueri, a 1ª Feira de Sustentabilidade da cidade.
A FIBoPS Barueri faz parte do calendário CEBoPS - Compromisso Empresarial pelas Boas Práticas Socioambientais do Instituto Mais, que reune empresas, governo, academia e terceiro setor para o intercâmbio de produtos e práticas verdes.
Barueri foi a primeira cidade a hospedar a FIBoPS Interior, uma iniciativa de fomento a sustentabilidade para a construção de uma economia mais verde e limpa.

O Instituto Mais pretende levar a iniciativa para outras cidades que tenham interesse em mobilizar as lideranças locais (empresas, governo, academia, e terceiro setor) para o intercâmbio das boas práticas de sustentabilidade e mostra de produtos verdes.
Na foto ao lado, auditório lotado na palestra magna de abertura no dia 21 de setembro no Centro de Eventos Barueri.


O Instituto Mais é também realizador da FIBoPS Internacional que está em sua 5ª edição. A missão do Instituto é compartilhar conhecimento aplicado para a construção de massa crítica em sustentabilidade.

Mais informações no site www.institutomais.org

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Encontro Empresarial na 1ª Feira de Sustentabilidade em Barueri



Encontro Empresarial Sustentabilidade

A 1ª FIBoPS Barueri que começa amanhã abrigará entre suas atrações, encontro empresarial com as principais lideranças empresariais locais para debater as práticas de sustentabilidade nos negócios. Marilena Lavorato, especialista em Marketing Verde, fará o lançamento do Livro BenchMais2, as 198 melhores práticas de sustentabilidade do Brasil. O Encontro Empresarial será um evento fechado para convidados especiais e ao final, as empresas presentes receberão um exemplar do BenchMais2 autografado pela autora. A FIBoPS Barueri é uma iniciativa do Instituto Mais com o apoio da Prefeitura Municipal de Barueri para a promover um intercâmbio pró-sustentabilidade com instituições dos 03 setores da economia. Empresas, Governo, ONGs e Academia trocam experiências, apresentam cases, e mostram a sociedade o que estão fazendo pelo bem estar social e preservação ambiental da cidade e região. Para participar é necessário credenciamento pela internet no link: www.institutomais.org/2.php 

Sobre o Livro BenchMais2

BenchMais2 é um livro focado em práticas de sustentabilidade, que denotam uma mudança na orientação de valores e métodos de gestão em empresas de distintos portes. O segundo volume da série BenchMais reúne grandes nomes da sustentabilidade do país, e promove um histórico encontro de ministros do meio ambiente do Brasil. Conta com o prefácio da atual Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, e com depoimento de Paulo Nogueira Neto, o primeiro ministro do meio ambiente do país.Também reuniu articulistas consagrados, entre os quais, Lester Brown, autor internacional especialista em Economia Verde; Arnaldo Jardim, Deputado Federal e Coordenador da lei de Resíduos Sólidos recentemente aprovada  (PNRS0; Dra Consuelo Yatsuda Moromizato Yoshida, Desembargadora; João Amato, Vice-Presidente do Conselho Curador da Fundação Vanzolini; Eduardo Athayde, pesquisador e editor da WWI Worldwatch Institute no Brasil, Alcir Vilela Junior, um dos coordenadores da Dimensão Ambiental do Indice de Sustentabilidade Empresarial da BOVESPA, entre outros

É uma obra didática de gestão e referência técnica, apresentando os resumos dos 113 casos selecionados pelo Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro no período de 2003 a 2010. No total 198 casos com o melhor da gestão socioambiental do Brasil de cerca de 125 empresas sediadas no Brasil, serão apresentados por regiões geográficas e ramo de atividade e organizados em 10 diferentes temáticas gerenciais para atender o requisito de aprendizagem e comparação da ferramenta Benchmarking. Veja mais no link http://goo.gl/F6aXZ

Sobre a FIBoPS Barueri

FIBoPS Barueri é a Primeira Feira para o Intercâmbio das Boas Práticas Socioambientais da cidade.  A abertura oficial será amanhã, dia 21/09, as 19h00 no Centro de Eventos de Barueri com uma solenidade fechada para  autoridades, expositores, imprensa e convidados especiais.  Nos dias que se seguem, 22 e 23 de setembro, das 10h00 as 18h00, o evento será aberto ao publico e terá muitas atrações: Mostra de Produtos, Forum de Sustentabilidade, intercâmbio de práticas, palestras técnicas, entre outros. A Realização é do Instituto Mais com o apoio da Prefeitura Municipal de Barueri. A participação é gratuita e a entrada liberada aos visitantes que poderão conhecer o que as empresas locais estão fazendo em prol da sustentabilidade, assim como, assistir os painéis temáticos e palestras gerenciais com especialistas convidados. Para conhecer a programação, visitem o site: WWW.institutomais.org/3.php

Sobre o Instituto Mais

O Instituto MAIS é uma organização sem fins lucrativos cujo objetivo é compartilhar o conhecimento socioambiental aplicado, de modo a promover a capacitação de profissionais e da sociedade, fortalecendo e elevando o nível do debate em tão importante área. Com a finalidade de alcançar estes objetivos realizamos diversos projetos, sendo quase em sua totalidade gratuitos e abertos ao público interessado, democratizando assim, o acesso ao conhecimento qualificado, capacitando pessoas e fomentando um desenvolvimento mais sustentável e justo. Mais informações, visite o site: www.institutomais.org


São Paulo, 20 de Setembro de 2011.

Kathellym Santos
(11) 3257-9660

sábado, 17 de setembro de 2011

SUSTENTABILIDADE NOS NEGÓCIOS

Mkt Verde abre o ciclo de cursos do Programa de Capacitação do Instituto MAIS

H
oje, iniciou a primeira turma do programa de capacitação do Instituto Mais para seus voluntarios.

O programa prevê workshops e cursos rápidos de livre especialização em temas de aplicabilidade gerencial em empresas e ONGs.
O Workshop Marketing Verde  abriu o programa que na sequencia terá outros temas.
O Objetivo é cumprir um ciclo de cursos e workshops abordando temas ligados a sustentabilidade para capacitar pessoas e formar corpo técnico preparado para atuar em áreas distintas dos negócios com o conhecimento gerencial de competencias corporativas  importantes além dos fundamentos da sustentabilidade, tais como: Marketing, Comunicação,  Captação de Recursos, Relações Institucionais, Novos Negócios e Parcerias Estratégicas, entre outros.

Os Cursos serão administrados por especialistas de diversas areas parceiros do Instituto Mais com este objetivo de treinar pessoas e formar equipes.


I
nicialmente os cursos serão administrados no formato in company e futuramente, em formato aberto na própria sede do Instituto Mais, que fica na região da Paulista em São Paulo.

O curso Marketing Verde terá outras turmas e poderá ser adquirido por empresas que queiram treinar seus colaboradores. Este e outros temas compõem os 4 eixos temáticos do Programa de Capacitação do Instituto Mais para treinamento de profissionais na tematica Sustentabilidade nos negócios.

Os interessados podem fazer contato com o Instituto Mais nos telefones (11) 3637-4457 e (11) 3637-4459 para mais informações.

Na foto ao lado, Marilena Lavorato do Instituto Mais ao lado de um dos grupos iniciantes no Programa.

Este grupo será treinado para compor corpo técnico das organizações e receberá certificado de participação.


Siga o Instituto Mais no Twitter e Facebook e fique informado sobre nossas atividades. Site www.institutomais.org

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

1ª Feira de Sustentabilidade de Barueri - 21 a 23 de Setembro - FIBoPS

Nos dias 21, 22 e 23 de Setembro, o Instituto Mais em parceria com a Secretaria de Recursos Naturais e Meio Ambiente de Barueri, estará realizando a 1ª Feira para o Intercâmbio de Boas Práticas Socioambientais de Barueri, no centro de eventos da cidade.

Barueri é a primeira cidade, depois de São Paulo, que hospeda este grande intercâmbio pró-sustentabilidade, com representantes dos 03 setores da economia compartilhando práticas e produtos alinhados com os fundamentos e diretrizes da sustentabilidade.

Em entrevista a TV Alphaville, o Prefeito Rubens Furlan, na foto acima, ao lado de Yara Garbelotto da Secretaria de Meio Ambiente, e Marilena Lavorato, do Instituto  Mais, afirmou que o desenvolvimento de Barueri se pauta por um crescimento economico em harmonia com a sustentabilidade social e ambiental. É portanto muito importante a participação das universidades, ONGs, e principalmente das empresas locais neste intercâmbio, de forma direta ou indireta, para mostrar o que estão fazendo em prol da sustentabilidade em Barueri.

O evento contará com uma mostra de produtos e práticas das principais organizações e empresas da cidade, e um forum para debater temas atuais e relevantes da sustentabilidade. Especialistas e lideranças estarão palestrando em painéis que foram divididos em 04 eixos temáticos: Cidades Sustentáveis; Inovações e Competitividade; Responsabilidade Socioambiental e Economia Verde; Resíduos e Logística Reversa.

Além da Mostra e Forum, a Feira contará com uma sala técnica para exposições temáticas e gerenciais de especialistas e pesquisadores. O evento é aberto e gratuito pois tem como objetivo central a democratização do conhecimento aplicado proporcionando livre acesso dos visitantes aos espaços. Mais informações sobre o evento, visite o site: www.institutomais.org/3.php

Segundo Marilena Lavorato, Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto MAIS, também em entrevista a TV Alphaville, Barueri é uma cidade que possui uma economia forte com muitas empresas, e principalmente com muitas ações socioambientais em desenvolvimento pela gestão atual. É portanto, a cidade indicada para fomentar este intercâmbio de boas práticas de sustentabilidade, pois tem o que compartilhar com a sociedade.

Marilena, finaliza afirmando: Estamos todos ansiosos pela participação dos principais atores da sociedade local, mostrando suas boas práticas. A cidade terá muito a ganhar com a participação das suas principais lideranças empresariais, acadêmicas, da sociedade civil organizada, e governamentais. A responsabilidade pela construção de uma cidade sustentável, é de todos.

Sobre a FIBoPS

A FIBoPS (Feira para o Intercâmbio das Boas Práticas Socioambientais) é um dos mais especializados intercâmbios de sustentabilidade do país. Sintonizada com um novo formato de economia e mercado, a feira reune e compartilha conhecimento, práticas, serviços e produtos, fomenta novos negócios, capacita gestores e proporciona aproximação entre os diversos players da sociedade em torno dos desafios e oportunidades que a sustentabilidade impõe a governos, países, empresas e indíviduos. É um dos eventos mais recomendados pelos especialistas da área, recebendo a massa critica da sustentabilidade, um publico altamente qualificado e formador de opinião. A realização é do Instituto MAIS, responsável pelas 4 edições consecutivas (2008, 2009, 2010, 2011), em São Paulo/SP.

Sobre o Instituto MAIS

O Instituto MAIS é uma organização sem fins lucrativos cujo objetivo é compartilhar o conhecimento socioambiental aplicado, de modo a promover a capacitação de profissionais e da sociedade, fortalecendo e elevando o nível do debate em tão importante área. Com a finalidade de alcançar estes objetivos realiza diversos projetos e ações, sendo quase em sua totalidade gratuitos e abertos ao público interessado, democratizando assim, o acesso ao conhecimento qualificado para capacitar pessoas e fomentar um futuro mais sustentável e justo. Mais informações, visite o site: www.institutomais.org

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

A contribuição do Instituto MAIS na construção de massa crítica em sustentabilidade

rolo_la_amareloO fio da meada é a educação. Boas Práticas, Quem tem, Mostra e Compartilha
Para construção de massa critíca em sustentabilidade, o Instituto MAIS compartilha conhecimento socioambiental aplicado por meio de publicações e eventos técnicos de livre acesso. Conheça e participe

EVENTOS
Encontros Técnicos
Feiras e Congressos


PUBLICAÇÕES

Guia Boas Práticas Socioambientais
Programa e resumo da FIBoPS Feira e Congresso de Sustentabilidade, considerado o maior intercâmbio Internacional Pro Sustentabilidade
Periodicidade: Anual
Versões: Impressa e DigitalLivre Acesso pela Internet e distribuição gratuita para empresas mantenedoras do Instituto Mais
capa_guia_08capa_guia_09capa_guia_10_p
ICIBOPScapa_congresso_11
Livro BenchMais
Artigos Técnicos, Prefácio e Depoimentos de autores e personalidades reconhecidos nacional e internacionalmente. Resumo dos Cases Benchmarking certificados pelo Programa Benchmarking Brasil que define o Ranking dos Detentores das Melhores Práticas de Sustentabilidade do país mediante metodologia própria com a participação de especialistas de vários países que pontuam as praticas sem ter acesso ao nome da organização.
Periodicidade: Quadrienal
Versão: Impressa
Distribuição gratuíta para bibliotecas de Universidades e Escolas Técnicas (mediante disponibilidade de estoque) e empresas mantenedoras do Instituto Mais

benchmais1Benchmais2
Banco Digital de Práticas de Sustentabilidade
Resumo dos Cases Benchmarking selecionados pelo Programa Benchmarking Brasil. Considerado o maior banco digital de praticas de sustentabilidade de livre acesso do país com 226 práticas catalogadas em 10 diferentes temáticas
Periodicidade: Anual
Versão: Digital
Livre Acesso pela Internet

Revista Benchmarking
Conteúdos Avançados em temas gerenciais. Entrevistas, artigos, agenda e matérias do interesse do profissional e lideranças atuantes em gestão da sustentabilidade nas empresas e instituições.
Periodicidade: Semestral
Versões: Impressa e Digital
Livre Acesso pela Internet e distribuição gratuita para empresas e instituições participantes do Programa Benchmarking e mantenedoras Instituto Mais



1 ed   
   2 ed   
3 ed 
4 ed    
5 ed 
6 ed 

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Instituto Mais participa do FITS da 12º Adventure Fair

O Fórum Interamericano de Turismo Sustentável - FITs é um evento paralelo da Adventure Fair, uma feira de turismo, considerado o maior evento de Turismo de Aventura da América Latina.

O Fórum proporciona a troca de experiências nacionais e internacionais por meio de depoimentos de especialistas e de empresários do setor que se beneficiaram na adoção de boas práticas para a sustentabilidade.


A Adventure Fair está em sua 12ª Edição, e aconteceu no período de 11 a 14 de Julho na Bienal Ibirapuera, e o FITs em sua  8ª Edição, e ocorreu no Porão das Artes do Parque Ibirapuera.

O FITs foi criado como resposta a uma necessidade identificada pelas entidades ambientalistas de organizar um fórum de discussão sobre temas
relacionados à sustentabilidade da atividade turística. Busca criar um ambiente que possibilite a ampla participação dos representantes dos setores: público, privado e entidades do trade. 

O Instituto MAIS através da sua Presidente do Comitê de Sustentabilidade, Marilena Lavorato, participou do forum falando sobre o tema "Sustentabilidade como estratégia de Negócios, 10 anos do Programa Benchmarking".

Estavam presentes especialistas e representantes do setor de turismo do Governo, da iniciativa privada e ONGs do Brasil, Argentina e demais publico interessado no tema. Na foto ao lado, Marilena Lavorato, do Instituto Mais ao lado de Mario Mantovani, do SOS Mata Atlântica.

Os palestrantes falaram sobre práticas, produtos e estratégias do setor que desponta com força para receber turistas de todo mundo com os eventos globais que sediará: Copa do Mundo em 2014, e Olímpiadas em 2016.

Percebe-se uma intensa movimentação e dedicação dos especialistas e empreendedores do turismo para vencer os desafios e aproveitar as oportunidades que o mercado impõe a este segmento da economia, afirma Marilena Lavorato do Instituto Mais.

O Brasil, detentor de belezas e riquezas naturais e culturais, tem pela primeira vez, a chance de mostrar ao mundo que está preparado para um turismo de qualidade e de nível mundial. Mas, para isto, terá que investir em capacitação e infraestrutura para receber turistas exigentes e
informados, principalmente em relação as questões socioambientais e de sustentabilidade. Na foto ao lado, Marilena Lavorato e Paula Arantes, responsável técnica do FITS.

Na Grade técnica do FIST, especialistas e empreendedores falaram sobre boas práticas, normatização, cenários internacionais, estratégias, marketing e comunicação, unidades de conservação e cases de sucesso de varias regiões do país.  O Instituto Mais abordou o tema A Sustentabilidade como Estratégia de Negócio apresentando os 198 boas práticas de sustentabilidade selecionados pelo Programa Benchmarking. 

O Programa Benchmarking em 2012 completa 10 anos de existência, e ao longo deste período contruiu e detém o maior banco de práticas de sustentabilidade do país, uma verdadeira fotografia da gestão socioambiental empresarial brasileira. Em 2011, lançou o livro BenchMais2 com as 198 práticas, artigos de especialistas e personalidades, entre elas, Dr. Paulo Nogueira Neto (primeiro ministro do meio ambiente do país) e Lester Brown (autor internacional que há mais de 10 escreve sobre economia verde), e prefácio da Ministra do Meio Ambiente, Iabella Teixeira. Para conhecer o Programa e as práticas Benchmarking, visite o site oficial da iniciativa: http://www.benchmarkingbrasil.com.br/