segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Vem aí BenchMais3

Resumo das Práticas Certificadas pelo Programa Benchmarking Brasil no período 2011 a 2014

Recursos naturais finitos exigem criatividade infinita e compromisso com a vida em todas as suas dimensões. BenchMais  é  uma  obra  didática  de  gestão  técnica e referência técnica. 

A publicação se tornou uma plataforma de conhecimentos e práticas socioambientais que oferecem não apenas a teoria da gestão responsável, mas uma base de dados com experiências concretas. 

Não é apenas “como fazer”, mas sim, “como está sendo feito” em diversas áreas da gestão e da engenharia sustentável.  

São 12 anos de experiência em gestão socioambiental no Brasil registrados na série BenchMais. 

A série reúne conteúdos do interesse de professores e alunos de cursos profissionalizantes, graduação e pós-graduação.  

Além de gestores, especialistas, pesquisadores, lideranças e empreendedores atuantes na área socioambiental.

A obra será distribuída gratuitamente para bibliotecas de universidades, entidades representativas e empresas Benchmarking. 

BenchMais, é uma obra didática de gestão e referência técnica, que nos 2 primeiros volumes contou com o prefácio de Paulo Nogueira Neto (primeiro secretário com status de ministro do meio ambiente do Brasil) e Izabella Teixeira (atual ministra do meio ambiente do Brasil), além de 14 artigos de especialistas renomados. 

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Benchmarking Brasil 2015 começa hoje

PROGRAMA BENCHMARKING BRASIL ABRE INSCRIÇÕES E APRESENTA SUA COMISSÃO TÉCNICA

Empresas e gestores com boas práticas de sustentabilidade podem inscrever seus cases (práticas) a partir de hoje até 31 de março para concorrer ao XIII Ranking Benchmarking dos detentores das melhores práticas socioambientais do País. Uma vez aprovados (cases que obtiverem índice técnico - pontuação a partir de 7.1) serão certificados como "Cases Benchmarking" e farão parte do maior Banco Digital de Boas Práticas Socioambientais com livre acesso do país. No "Dia Benchmarking, Compartilhar para Crescer" que ocorrerá em 02 de julho, será conhecido o Ranking das melhores práticas socioambientais do país. 

selo_vermelho Já passaram (tiveram cases certificados) pelo crivo Benchmarking, 172 instituições brasileiras atuantes nos 03 setores da economia, e localizadas em 17 diferentes estados do país.  Com uma metodologia inovadora e reconhecida pela ABNT, o Programa Benchmarking já selecionou e certificou 311 cases de boas práticas socioambientais. Os cases são inscritos em 10 categorias gerenciais: Resíduos; Energia, Emissões; Recursos Hídricos e Efluentes; Educação, Informação e Comunicação Socioambiental; Ferramentas e Políticas de Gestão; Manejo e Reflorestamento; Pesquisas Científicas e Desenvolvimento de Novos Produtos; Proteção e Conservação; e Arranjos Produtivos. 

RK_DECADA_CANTONEIRA
Em sua 13ª edição, o Programa Benchmarking Brasil é considerado um dos mais respeitados selos de sustentabilidade do país, pela sua abrangência, transparência e independência.  Presta relevante serviço de utilidade publica na medida que informa a sociedade o "modus operandi" das organizações para com as questões socioambientais, ou seja, mostra a sustentabilidade aplicada no dia a dia da empresa, muito além da teoria e do discurso. Para participar, a empresa deve estar ciente, em concordância, e condições de atender os requisitos do regulamento.

Comissão Técnica 2015 - Nomes relevantes do cenário nacional e participações internacionais 

A comissão técnica responsável pela avaliação das práticas inscritas em 2015 reune especialistas de 06 diferentes países: África do Sul, Estados Unidos, Holanda, Portugal, Reino Unido e Brasil. Estes especialistas pontuarão as práticas sem ter acesso ao nome das organizações. 
  1. Andrea Marandino - Especialista em investimentos sustentáveis na World Wide Fund for Nature (WWF) -  Londres, UK
  2. André Magrinho - Adjunto da Presidência da Fundação AIP – Associação Industrial Portuguesa - Lisboa, Portugal
  3. Aron Zylberman – Membro da Comissão de Estudos de Sustentabilidade para as Empresas – CESE do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa - IBGC
  4. Claudia Terezinha Knies – Coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão Ambiental e Sustentabilidade (GeAS) da Universidade Nove de Julho - UNINOVE.
  5. Eduardo Shimahara - Professor (contributor) na Youth Initiative Program da Suécia, e Mestrando em Desenvolvimento Sustentável na Universidade de Stellenbosch - Cidade do Cabo, Africa do Sul
  6. Érica Marcos - Coordenadora de frete sustentável global no Smart Freight Centre - Amsterdam, Holanda
  7. Fernando Rei – Professor da Fundação Dom Cabral- FDC e ex Presidente da CETESB – Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental
  8. Guy Ladvocat - Gerente de Certificação da Associação Brasileira de Normas Técnica - ABNT
  9. Homero Santos – Consultor em desenvolvimento sustentável da American Chamber of Commerce de Buenos Aires – AMCHAM, e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE
  10. Izak Kruglianskas - Coordenador do PROGESA - Programa de Gestão Estratégica Socioambiental (FIA/USP)
  11. Karin Vasquez - Especialista em cooperação para o desenvolvimento na sede  do Programa das Nações Unidas para o desenvolvimento (PNUD) - N.York, USA
  12. Liége Petroni - Chefe da Divisão de Gestão Ambiental da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
  13. Maria Luiza Machado Granziera – Coordenadora do Programa de Pós Graduação Stricto Sensu em Direito Ambiental e Internacional da Universidade Católica de Santos
  14. Pedro Ortiz - Diretor da TV USP (Universidade de São Paulo) e Professor universitário na Fundação Cásper Líbero
  15. Rogerio Cunha de Paula - Analista ambiental do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio/MM

TELA_ASSINATURA_FOTOGRAFIASobre o Programa Benchmarking Brasil:

Em 12 edições já realizadas, Benchmarking Brasil se consolidou como um dos mais respeitados Selos de Sustentabilidade do país. Com uma metodologia estruturada (reconhecida pela ABNT) e participação de especialistas de vários países, o programa Benchmarking define e reconhece os detentores das melhores práticas de sustentabilidade do Brasil. Além do Ranking, o programa promove outras ações de compartilhamento e divulgação. São publicações (livro e revista), banco digital de livre acesso na internet, encontros técnicos, entre outros. Além de incentivar a busca da melhoria contínua e a adoção das boas práticas nas organizações, o Programa Benchmarking Brasil contribue para a construção de massa crítica em sustentabilidade no país. Em 2013, Benchmarking Brasil foi o grande vencedor (1º colocado) na categoria Humanidades do Prêmio von Martius de Sustentabilidade da Câmara de Comércio Brasil Alemanha.

São Paulo, 21 de Janeiro de 2015
(11) 3257-9660/ 3729-9005

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Saí o calendário 2015 de encontros técnicos I+

Resíduos abre o calendário
29 de Janeiro - Resíduos: Aspectos legais e melhores práticas 
Especialistas e Cases Benchmarking certificados em 2014
Gratuito com vagas limitadas

EMKT_RESIDUOS_JANEIRO

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Sustentabilidade 2015

Enquete aponta temas de maior interesse

O Instituto MAIS inicia o ano apresentando a enquete que realizou em parceria com Mais Projetos para identificar temas de sustentabilidade que despertarão a atenção e interesse dos profissionais atuantes na área em 2015. A enquete teve como eixo norteador as 10 temáticas gerenciais trabalhadas pelo Programa Benchmarking Brasil desde 2003. São elas: 1) Arranjos Produtivos; 2) Educação e Comunicação Socioambiental; 3) Emissões, 4) Energia; 5)Ferramentas e Políticas de Gestão; 6)Manejo e Reflorestamento; 7) Pesquisa e Desenvolvimento de Novos Produtos; 8) Porteção e Conservação; 9) Recursos Hídricos e Efluentes; 10) Resíduos.   

A Enquete registrou 262 participações, com 217 respostas válidas e 45 inválidas. Ou seja, teve 83% de aproveitamento das respostas e apenas 17% de respostas não aproveitadas. A enquete é realizada anualmente com publico especializado, lideranças e ativistas da área, além de demais interessados na temática socioambiental. A Enquete realizada desde 2002 tem por objetivo identificar temas de interesse para composição de conteúdos que serão trabalhados no calendário de atividades do novo ano. Os encontros técnicos que recebem cases Benchmarking e especialistas convidados são formatados de acordo com os temas que recebam maior votação.   Educação; Ferramentas de Gestão, Recursos Hídricos e Resíduos foram os temas que obtiveram maior votação em 2015 e que seguramente estarão nas grades de eventos e conteúdos desenvolvidos pelo I+ e Mais Projetos em 2015. Veja a seguir gráficos completos da enquete 2014/2015.



sábado, 29 de novembro de 2014

Sustentabilidade na pauta dos profissionais de Relações Públicas

I+ é convidado para falar sobre "Cultura de Sustentabilidade" em evento comemorativo aos 100 anos da profissão de Relações Públicas no Brasil. 


Neste sábado, Marilena Lino Lavorato participou da programação RPUAM +100 falando sobre "Cultura de Sustentabilidade" para alunos do curso de Relações Públicas da Escola de Comunicação da Universidade Anhembi Morumbi. 

 O Profissional de Relações Públicas tem por missão cuidar do relacionamento da organização com seus públicos de interesse, e sustentabilidade é um tema de grande importância dentro deste contexto. 

Marilena falou das causas de interesse difuso e coletivo que o terceiro setor defende, em especial, da construção de uma nova consciência e cultura, a cultura de sustentabilidade - causa principal defendida pelo Instituto MAIS. 

Participaram também outros convidados de grandes agências de Relações Públicas e Relações Governamentais, além de pesquisadores, mestres e doutores em comunicação institucional. 


Também presente, a coordenadora do curso de Relações Públicas da Universidade Anhembi Morumbi, Maria José Rosolino, alunos do curso, e professores do curso. 

Os profissionais de Relações Públicas levantaram pontos considerados essenciais para a construção e manutenção de relacionamentos sólidos e perenes entre as organizações e sociedade. 

O evento foi uma realização do Curso de Relações Públicas da Escola de Comunicação da Universidade Anhembi Morumbi com o apoio do Instituto MAIS e do Observatório de Comunicação Institucional.   

Mais informações na comunidade RP UAM +100 https://www.facebook.com/rpuam100 

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Semana do Lixo Zero em São Paulo

Instituto Mais participa da abertura da Semana Lixo Zero

Por Fernando Novais (*)

Teve início ontem (04/11) a programação da Semana Lixo Zero Uninove, que busca conscientizar e promover a reciclagem de resíduos sólidos urbanos, propondo novas maneiras de consumo sustentável, minimizando os impactos ambientais.

A bancada de palestrantes contou com a participação da fundadora e presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto Mais, Marilena Lavorato, da coordenadora do programa de Mestrado Profissional em Administração e Gestão Ambiental da Uninove, Cláudia Kniess, do professor da Uninove e mestre em Gestão Ambiental e Sustentabilidade, João Alexandre Paschoalin Filho, do presidente da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (AMLURB) de São Paulo, Silvano Silvério, e do sócio da Rede Resíduo e membro do Instituto Zero Brasil, Francisco Luiz Biazini Filho.

Marilena defendeu a mudança na forma como os recursos naturais são explorados, realçando a adesão mundial à economia circular:


“A economia circular é a mais adequada para a questão que estamos vivendo hoje. Você vai buscar na natureza, mas aquilo que você retira, você repõe. E aquilo que você não consegue reaproveitar no seu negócio, no seu processo produtivo, ou você reinsere na sua própria cadeia, ou aquilo que é resíduo passa a ser insumo para outro processo seletivo, fazendo com que o mesmo deixe de ser um problema a ser gerenciado e passe a ser uma oportunidade de negócio ou competitividade”.

Segundo dados do Instituto Mais, entidade responsável pelo selo Benchmarking Brasil, entre 2003 e 2014, das 172 organizações que apresentaram seus cases, 37 foram práticas desenvolvidas na área de resíduos. 

Somente neste ano, das 32 práticas apresentadas, 10 foram sobre a destinação ou reutilização de resíduos.

A Semana Lixo Zero, evento organizado pelo Instituto Lixo Zero Brasil, teve sua primeira edição realizada em 2012 na cidade de Florianópolis, em Santa Catarina.

Nesta 3ª edição, o evento está sendo realizado nas cidades de Tubarão, Joinville, Porto Alegre, Curitiba, Balneário Camboriú e São Paulo, entre os dias 01 e 09 de Novembro.

O Instituto Mais apoia os eventos que difundem a economia sustentável, propondo uma profunda reflexão sobre a maneira como exploramos, produzimos, consumimos e descartamos os nossos resíduos sólidos. A entidade, através de seu corpo técnico, assessora empresas e instituições na implantação de projetos socioambientais, pesquisas e diagnósticos, gestão e capacitação com foco em sustentabilidade. Para maiores informações, acesse o site: http://www.institutomais.com.br/

Confira as datas dos próximos eventos da Semana Lixo Zero na cidade de São Paulo:

Semana Lixo Zero Uninove: Coleta Seletiva e Educação Ambiental

Local: Universidade Nove de Julho, campus Vergueiro – Auditório do 1º Andar
Data: 05/11
Horário: Das 14h às 17h

Palestrantes
Alexandre de Oliveira Aguiar: Professor do mestrado ambiental da Uninove, especialista em Normas da série ISSO 14000, sistemas de gestão ambiental e produção mais limpa, etc.
Mateus Mendonça: Especialista em gestão inclusiva de resíduos sólidos, acesso ao conhecimento tradicional associado e repartição de benefícios ligados ao uso da biodiversidade brasileira. Atualmente está envolvido em projetos e parcerias com a Kellog School of Management, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Natura, Ambev, Walmart, Diageo, Grupo Via Varejo (Casas Bahia e Ponto Frio), Fundo Vale, Centro SEBRAE de Sustentabilidade, Instituto ETHOS, Fundação Avina, ICLEI – Governos Locais pela Sustentabilidade e Union for Ethical Biotrade – UEBT.
Delaine Romano: Presidente do Fórum de Desenvolvimento da Zona Leste e coordenadora do Fórum Lixo e Cidadania de São Paulo.
Isac Wajc: Idealizador e diretor da Rede Resíduo – Comercialização e Gestão de Resíduos (apoiadora do Instituto Lixo Zero Brasil). Movido pelo desafio de divulgar e promover o Conceito Lixo Zero através de ações mobilizadoras, contribuindo na construção de uma sociedade melhor, com soluções sustentáveis para a gestão e gerenciamento dos resíduos sólidos.

Semana Lixo Zero Uninove: Políticas Públicas e Acordos Setoriais para Manejo de Resíduos Sólidos Urbanos
Local: Universidade Nove de Julho, campus Memorial da América Latina – Auditório do Mestrado
Data: 06/11
Horário: Das 14h às 17h

Palestrantes
Fabrício Soler: Membro do Conselho Superior de Meio Ambiente (Cosema) da FIESP; da International Solid Waste Association (ISMA); da Associação Brasileira de Advogados Ambientalistas (ABAA); e da Associação de Professores de Direito Ambiental no Brasil (Aprodab).
Elisabeth Grimberg: Coordenadora executiva do Instituto Pólis para a área de resíduos sólidos.
Ramon Zago: Mestrando em Mudança Social e Participação Política pela USP, é consultor em Planejamento e Desenvolvimento Organizacional no Fórum para o Desenvolvimento da Zona Leste. Atua com cooperativas desde 2009.

Semana Lixo Zero Uninove: Encerramento
Local: Universidade Nove de Julho, campus Memorial da América Latina – Auditório do prédio C
Data: 07/11
Horário: Das 18h às 21h
Palestrantes
Hamilton de França Leite Júnior: Diretor da CASOI Desenvolvimento Imobiliário, diretor de sustentabilidade do Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP) e diretor do Capítulo Brasileiro da FIABCI.
Chicko Souza: Criou o Movimento Greening em conjunto com outros 16 profissionais multidisciplinares, desenvolvendo os mais variados projetos de Simbiose Industrial (Economia Circular) aplicados na prática, criando novos processos e produtos inovadores em volumes industriais e contínuos.

Ricardo Oliani: Representante do Instituto Lixo Zero Brasil, movido pelo desafio de divulgar e promover o conceito Lixo Zero através de ações mobilizadoras, contribuindo na construção de uma sociedade melhor, com soluções sustentáveis para a gestão e o gerenciamento dos resíduos sólidos.

(*) Fernando Novaes é jornalista e voluntário no Instituto MAIS

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Casa cheia no 5o e último encontro técnico do ano

Nesta 5a feira, mais de 70 pessoas estiveram presentes no encontro técnico de outubro que abordou o tema "Responsabilidade Social e Voluntariado Corporativo". O encontro recebeu publico de vários estados que participaram ativamente do evento fazendo perguntas e interagindo com os expositores. 


Tivemos 4 especialistas e 2 cases Benchmarking foram apresentados. 

Os especialistas atuam nas áreas de responsabilidade social e voluntário corporativo e foram convidados para compartilhar suas visões e soluções sobre esta temática socioambiental. 

Os expositores convidados foram: 

Antonio Simões Parente, administrador de empresas com especialização em analise de sistemas e gestão ambiental.  Atual Coordenador de Certificação da ABNT para Sistemas de Gestão e auditorias, certificação com base em normas certificáveis e Projetos especiais criados para setores específicos, com ênfase em Responsabilidade Social. 



Silvia Naccache, Mais de 15 anos de atuação em Responsabilidade Social, 3o Setor e Voluntariado. Atual Coordenadora do CVSP – Centro do Voluntariado de São Paulo.

Rosangela Melatto,  Atual Gerente de Responsabilidade Social América Latina da Intel.  Apresentou o case Benchmarking certificado em 2013 - ”Voluntariado Corporativo e suas implicações para a empresa, seus funcionários e a comunidade”


Fernanda Toledo,  Arquiteta e Urbanista, especialista em Gestão Ambiental e Marketing. Atual Gerente de Relacionamento da Damha Urbanizadora e Presidente da Associação Bairro Sustentável.  Apresentou o case Benchmarking certificado em 2013-  ” Ações sustentáveis transformando vidas".

Ao final, um rápido café para network e interação do publico, além da confraternização do grupo de voluntários I+.

Este encontro encerrou o calendário de eventos I+ 2014. O próximo será em 29 de Janeiro 2015, com temas que serão apontados em enquete a ser realizada com profissionais da área. 

Mais informações no site www.institutomais.org 

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Responsabilidade Social e Voluntariado Corporativo será o tema do próximo Encontro Técnico I+

Encontro Técnico I+ de Outubro irá debater um dos mais atuais temas da sustentabilidade com especialistas e lideranças atuantes na área. Serão quatro expositores e dois Cases Benchmarking.  Informações e inscrições, clique na imagem abaixo.
emkt_outubro_14
Se não quiser mais receber informações sobre nossas atividades envie este email para remover@benchmarkingambiental.com.br